Select Menu

Narrativas

Narrativas
» » » » » Abismo Infinito – Preparativos.
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga





Preparativos 
Bem o meu grupo de RPG sempre foi aficionado por Vampiro a Máscara, D&D medieval típico e Gurps Supers, qualquer outra tentativa de inserir outro estilo ou sistema era visto com preconceito... Porque temos que mudar de sistema se esse é tão bom.

Esse fato aconteceu e acontece com vários outros Narradores, dessa forma decide a preparar o espírito dos meus jogadores, ou seja, quero narrar uma crônica de Space Horror – Abismo Infinito então começei a repassar aos meus jogadores filmes e livros que possam a ajudar a despertar a vontade de jogar.

Saiba mais sobre Abismo Infinito nesta resenha.


Quando decidir que iria narrar Abismo Infinito repassei aos meus jogadores três filmes: Alien – O Oitavo Passageiro, Pandorum e O Enigma do Horizonte e logo em seguida entreguei o .pdf do Abismo Infinito, foi tipo assim, eles enlouqueceram e queriam jogar o mais rápido possível.

A Criação de Personagem
Como a criação de personagem é bem rápida e sem muitas dificuldades, pude me dedicar em desenvolver o prelúdio de cada personagem em separado, dessa forma, decidir incluir outros detalhes para enriquecer ainda mais os personagens. Solicitei aos jogadores que respondessem a algumas perguntas relacionadas ao passado dos personagens, foram elas:

+Você se candidatou ou foi convidado a participar da tripulação da Nave Prometheus-3? – a motivação que impulsiona o personagem a continuar apesar de todas as dificuldades, nasce com essa pergunta.

Insignias de cada Profissão
+Qual era a sua profissão/função antes de se candidatar/convidado a  participar da tripulação? – acontece, de que nem sempre o personagem necessita de ter apenas as profissões estabelecidas no livro.

+Qual seu relacionamento com os membros da tripulação? – com essa informação a alucinação de outro membro pode ser mais agressiva ou não dependendo do relacionamento.  

+Cite três familiares que foram ou são constantes em sua vida? – independente se o familiar esta vivo ou morto era necessário um rápido comentário sobre o seu relacionamento com ele.

+Com a Terra se deteriorando, tinha alguma época ou lugar que gostaria de ter vivido? – com essa resposta elaborei a primeira impressão do personagem ao ter contato com o Planeta Autoctonia.

+Tinha algum conhecido ou familiar nas expedições da nave Prometheus-1 e/ou Prometheus-2? – laços com os tripulantes das expedições passadas poderiam ser utilizadas se os personagens decidissem explorar as naves.

+Além do Medo Particular, solicitei aos jogadores que me contassem sobre algum trauma que seus personagens teriam sofrido em qualquer situação?  - outra forma de trabalhar o Medo Particular.

Essas perguntas foram a base para a elaboração do Prelúdio dos personagens, cada jogador passou pelo prelúdio separado do grupo.

Bem pessoal esses foram os preparativos para minha crônica de Abismo Infinito no próximo post coloco as fichas dos personagens com prelúdio e o início da descoberta do Planeta Autoctonia. Até++ 


Nos siga no Twitter @FilhosdaGehenna

Curta a FanPage Filhos Da Gehenna




Autor: Jan Piertezoon


A Mente maléfica por trás da criação do Blog Filhos da Gehenna, (ir)responsável pela narração da atual crônica do blog apresentado no podcast.  Aficcionado por jogos de interpretação, onde o sistema preferido para as minhas crônicas é o Storyteller & Storytelling. Um colecionador de livros de RPG e um grande consumidor de podcast. RPG Mainstream ou Indie não importa, jogo todos!!!


Autor Jan Piertezoon

A Mente maléfica por trás da criação do Blog Filhos da Gehenna, (ir)responsável pela narração da atual crônica do blog apresentado no podcast. Aficcionado por jogos de interpretação, onde o sistema preferido para as minhas crônicas é o Storyteller e Storytelling. Um colecionador de livros de RPG e um grande consumidor de podcast. RPG Mainstream ou Indie não importa, jogo todos!!!
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Comentarios