Select Menu

Narrativas

Narrativas
» » » » » » SPACE DRAGON - Adaptação Avatar - Clones Avatares
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga


Nesse terceiro post, sobre a adaptação de Avatar para Space Dragon chegamos ao tão esperado [Avatar], para uma melhor compreensão sempre que me referir ao [Avatar] organismo criado in vitro, utilizarei a nomenclatura destacada.


Os [Avatares] são organismo criados em laboratórios, são clones da raça Na’vi. O [Avatar] clonado tanto fisicamente como biologicamente possui toda a estrutura corporal da raça Na’vi.

Para a criação do [Avatar] é necessário o acréscimo dos genes humanos, que serão responsáveis por criar e manter a capacidade de conexão mental ao DNA do [Avatar], deve-se salientar que esse acréscimo alterou a anatomia do [Avatar] de tal forma que produziu cinco dedos nas mãos e nos pés e reduziu o tamanho dos olhos.

O embrião leva em média seis meses para atingir a maturidade ideal para ser realizada a conexão.

O [Avatar] só pode realizar a conexão com o ser humano, ao qual, doou o seu gene para a criação do clone. O ser humano que irei chamá-lo de biopiloto deve realizar a conexão com o corpo [Avatar] através das cápsulas de comando, que estão localizadas em laboratórios e em algumas unidades avançadas de pesquisas espalhadas nas florestas em pontos estratégicos.

Não se tem um período exato de quanto tempo é permitido o biopiloto está conectado com o [Avatar], mas sempre que o [Avatar] dormir a conexão é desfeita, em caso do [Avatar] sofrer fortes danos que venha causar a sua morte a conexão é desfeita e o biopiloto desperta.

Inicialmente os [Avatares] foram desenvolvido para os mineradores que exploravam os minérios do Planeta Pandora e depois utilizarem os [Avatares] como embaixadores dos seres humanos, para facilitar em negociações nas exploração das riquezas naturais do planeta.

A relação do povo Na’vi com os [Avatares] é bem complicado, pois são considerados “demônios” que devem ser eliminados de imediato.


[Avatares] em termos de regras para Space Dragon

Os jogadores devem criar um personagem da Raça Na’vi utilizando como base a mesma pontuação de atributos iniciais de seu personagem humano, não é possível utilizar um [Avatar] criado com outro gene humano, cada [Avatar] é único e compartilha características semelhantes com o doador dos genes, para maiores informações como criar personagens Na’vi, confira o post SPACE DRAGON – Adaptação Avatar – Raça Na’vi.


A Árvore das Almas
Dialeto Na’vi: Vitraya Ramunong


O Coração místico para o Clã Omaticaya a Árvore das Almas está localizada sob os Arcos de Pedra, possuí a capacidade de conectar qualquer criatura com a divindade Eywa, local onde a divindade se mistura com o poder da natureza. A Árvore das Almas de fato tem a capacidade de se conectar diretamente ao sistema nervoso de todas as criaturas vivas, lugar onde os membros do Clã Omaticaya tentaram transferir a consciência da Dra. Grace Augustine para o seu [Avatar], mas devido a sua condição debilitada a cientista não sobreviveu. Outra tentativa foi realizada, mas essa foi um sucesso, pois Jake Sully transferiu sua consciência para seu [Avatar].



Autor: Jan Piertezoon
A Mente maléfica por trás da criação do Blog Filhos da Gehenna, (ir)responsável pela narração da atual crônica do blog apresentado no podcast.  Aficcionado por jogos de interpretação, onde o sistema preferido para as minhas crônicas é o Storyteller & Storytelling. Um colecionador de livros de RPG e um grande consumidor de podcast. RPG Mainstream ou Indie não importa, jogo todos!!!

Autor Jan Piertezoon

A Mente maléfica por trás da criação do Blog Filhos da Gehenna, (ir)responsável pela narração da atual crônica do blog apresentado no podcast. Aficcionado por jogos de interpretação, onde o sistema preferido para as minhas crônicas é o Storyteller e Storytelling. Um colecionador de livros de RPG e um grande consumidor de podcast. RPG Mainstream ou Indie não importa, jogo todos!!!
«
Proxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário

Comentarios